terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Texto: Avesso


Fonte: www.tumblr.com

De sobrenome "Teimosia", eu jamais me enquadraria 100% nos padrões (sejam eles de beleza, sejam de comportamento ou sei lá de que). 
Se é bonito cabelo grande, eu corto por causa do calor; se é pra sentar sutilmente, eu me jogo na cadeira; se é pra rir baixo, eu gargalho; se não é pra chorar, eu transbordo (e inundo). Se é pra comer pouco, me dá fome; se é pra comer muito, eu encho. Se todos andam malhando, eu malho a alma e teço um texto que me cobre em dias frios; se é pra ficar no ócio, eu oscilo e danço; se é pra dançar, eu canto; se é pra calar, eu sussurro, balbucio, clamo, falo ou extrapolo na piada. 
Sou teimosa, moço! Não é nem que seja pirraça, mas é aquela coisa de fazer por mim na hora que eu achar que devo.

Texto por Renata Linard, 19 anos, estudante de Jornalismo e dona da página "O que Brotou das Dores".

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Vinis e Outras Coisas - Copyright © 2014